Verdades do Corpo | WORKSHOP DESORDENS AMOROSAS
Representa uma visão alternativa à saúde baseada na biodescodificação de uma sintomática física ou psicológica, numa intervenção terapêutica que dirige à cura profunda emocional. Serviços: Psicologia Clinica, Psicossomática Clinica e Humanista, Psicogenealogia, Sexualidade Masculina, Numerobiologia.
Psicologia, Psicossomática, somática, placebo, biodescodificação, relacionamento, Clinica, Humanista, numerologia, Saúde, Mente, Psicogenealogia, genealogia, família, sexualidade, masculino, homem, gravidez, corporal, inconsciente, emoção, cérebro, gestação, antepassados, infância, equilíbrio, acupunctura, auriculoterapia, biologia, repressão, doença
21621
post-template-default,single,single-post,postid-21621,single-format-standard,cookies-not-set,ajax_fade,page_not_loaded,,content_with_no_min_height,select-child-theme-ver-2.8,select-theme-ver-3.9,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.5,vc_responsive

WORKSHOP DESORDENS AMOROSAS

DESORDEM AMOROSA

 

 

As desordens amorosas (DA) estão na ordem do dia, sendo uma das principais causas de problemas de saúde mental e psicossomática.

 

As dinâmicas dos relacionamentos amorosos obedecem a mecanismos emocionais inconscientes que facilitam ou evitam o encontro sexual entre dois seres humanos, regulando comportamentos a níveis subliminares.

 

 

A “desordem amorosa” (Sellam, S. 2013) é uma fenómeno psico-comportamental inconsciente onde AMOR EQUIVALE DOR.

 

 

Porquê o amor me faz sofrer? Porque não consigo conciliar compromisso com prazer? Porque não assumo o meu papel na relação? Porquê a minha vida me leva encontrar pessoas “erradas”? Porque sinto uma atração inexplicável pela mulher do meu vizinho? Porque só me atraem homens comprometidos? Porque não me sinto bem no meu relacionamento? Porque amo uma pessoa mas quero estar com outra? Porque não encontro a pessoa dos meus sonhos? Porque estou sozinho/a?…

 

 

 

De uma forma poética, o amor sexual é sobrevalorizado através da dor, do drama e do platonismo, perturbando o abstinente sexual, o compromissofóbico ou o casal.

 

A pessoa pode abdicar do sexo, mas o sexo não abdica da pessoa.” Gabriel García Marquez

 

 

A desordem amorosa é um esquema mental inconsciente que se vincula ao trauma amoroso, originando relacionamentos tóxicos, deformados por uma incapacidade em reconhecer o mecanismo sexual que domina os padrões perturbadores. Perante uma desordem amorosa, o comportamento sexual inconsciente domina o encontro e o relacionamento entre dois seres, que somente procuram complementaridade e crescimento na sua “boa fé”.

 

A dinâmica sexual inconsciente pode ser observada, reconhecida e modificada, caso exista uma consciência dos mecanismos internos neuropsicológicos e sociais que regulam a DA. Depois de os reconhecer, cada qual modifica a sua ordem e procura estar em paz com a mesma.

 

O workshop oferece uma oportunidade em reconhecer os mecanismos que estão pode detrás do fenómeno da desordem amorosa, compreendendo os padrões emocionais inconscientes; as reações instintivas e corporais; vínculo e evitação sexual; as principais causas emocionais e neuropercetivas; ajudando a conduzir a história amorosa de uma forma mais Consciente e Empoderada.

 

– O que é uma desordem amorosa?

 

– Consciência e Definição de limites nas relações;

 

– As causas inconscientes emocionais:

– Amores contemporâneos

– Dinâmica parental na Infância

– Influência dos antepassados (transgeracional)

 

– Polaridade Masculina e Feminina;

 

– Trauma e a narrativa mental;

 

– resignificação da história pessoal e empoderamento;

 

 

Este workshop vai permitir explorar as emoções na totalidade da experiência, através de um método ativo vivenciado na prática.
 
Aliando uma experiência de longos anos em Psicologia Clínica, com Marco Sousa, e a prática da aplicação do Coaching, com Helena Miranda, reúnem-se duas visões que se completam numa experiência que será inesquecível.
 
Horário: domingo, 24 de novembro de 2019 das 14:00 até 18:00
 
local: Quinta da Ventozela, Penafiel
http://www.quintadaventozela.com/
 
 
Para mais informações contacte:
info@helenamiranda.com;
marcosousa@verdadesdocorpo.com
helenamiranda.com
verdadesdocorpo.com

Sem comentários

Faça o seu comentário